câmera indiscreta – madan/ademir assunção

segunda-feira, 28 de fevereiro de 2011

galo gatos rede madrugada






na varanda o varal vazio
o corpo rola na rede
em madrugada de frio

o galo canta no quintal ao lado
e o seu canto
atravessa as paredes da manhã
benvinda

os gatos trepam no muro
e gemem
como felinos no cio

Nenhum comentário:

Postar um comentário